Bem vindo à CDL FM – A Rádio das quatro estações. Estamos na primavera.

Setor de serviços avança 10,9% em 2021 e elimina as perdas registradas em 2020

O volume de serviços prestados no Brasil aumentou 1,4% em dezembro, em relação a novembro. Com o resultado, o setor encerrou 2021 com avanço de 10,9% registrado, eliminando assim as perdas de 2022, ano que registrou uma retração de 7,8% em dezembro.

Trata-se da maior taxa para um fechamento de ano desde o início da série histórica, em 2012. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Com o resultado positivo registrado em dezembro, o setor de serviços está agora 6,6% acima do nível pré-pandemia e alcançou seu maior patamar desde 2015.

No acumulado de 2021, houve alta nas cinco atividades observadas e em 74,1% dos 166 tipos de serviços pesquisados.

As contribuições mais altas para o avanço do setor foram de transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio (15,1%) e informação e comunicação (9,4%). Os outros avanços vieram de serviços profissionais, administrativos e complementares (7,3%); de serviços prestados às famílias (18,2%); e de outros serviços (5%).