Bem vindo à CDL FM – A Rádio das quatro estações. Estamos na primavera.

IPCA desacelera em maio e fica em 0,47%

O Índice de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) desacelerou para 0,47% em maio após ter registrado alta de 1,06 % em abril. Trata-se da menor variação mensal desde abril de 2021. O resultado do índice, que é considerado uma prévia da inflação oficial do Brasil, foi divulgado nesta quinta-feira (9) pelo IBGE.  Apesar de ter desacelerado em maio, já são 9 meses consecutivos com a inflação anual acima de dois dígitos.

Com o resultado, o IPCA-15 agora acumula alta de 11,73% nos últimos 12 meses e no acumulado do ano a alta é de 4,78%. O resultado de maio foi puxado principalmente pela queda no custo da energia elétrica e pela desaceleração dos preços dos alimentos.

A desaceleração no grupo alimentos e bebidas foi influenciada pela alimentação na residência, que sofreu redução de 2,59% em abril para 0,43% em maio, enquanto a fora da residência ficou praticamente estável, passando de 0,62% para 0,61%.

Os vilões da inflação no mês foram as passagens aéreas e os remédios. Os bilhetes aéreos subiram 18,33%, enquanto os produtos farmacêuticos tiveram alta de 2,51%