Bem vindo à CDL FM – A Rádio das quatro estações. Estamos na primavera.

Força econômica do setor de comércio e serviços de Minas Gerais é tema do Prêmio CDL/BH de Jornalismo

O setor de comércio e serviços foi o responsável pela maior geração de empregos ao longo de 2022. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), somente em novembro do último ano, as atividades foram responsáveis por 65% do estoque de empregos formais em Minas Gerais. Em Belo Horizonte, o setor registrou, no mesmo período, saldo positivo e correspondeu a 81% do estoque.

“Com uma forte expressividade na economia, o setor de comércio e serviços é, constantemente, fonte de notícias e informações sobre o desenvolvimento de Minas Gerais. Por isso, ele é o tema central do Prêmio CDL/BH de Jornalismo. Parte do sucesso dessas atividades deve-se à parceria da imprensa que, como diz nosso slogan, dá voz ao setor, estreita o relacionamento com a sociedade e contribui para o fortalecimento”, afirma o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH), Marcelo de Souza e Silva. A entidade é a realizadora do Prêmio CDL/BH de Jornalismo, uma das mais prestigiadas premiações da categoria no país e que, neste ano, chega à sua 11ª edição e, pela segunda vez, será aberta a profissionais de todo o país.

As inscrições começam no dia 30 de janeiro e seguem até 6 de fevereiro. Podem ser inscritos trabalhos individuais ou de equipes e não há limite de materiais a serem enviados. Entretanto, é preciso que sejam abordadas alguma das seguintes pautas referente ao setor de comércio e serviços de Minas Gerais (só serão aceitos trabalhos sobre o comércio formal):

 

  • Representatividade do setor de comércio e serviços na economia mineira
  • Competitividade empresarial
  • Empreendedorismo
  • Políticas urbanas (segurança, mobilidade urbana, revitalização, infraestrutura, código de posturas e uso e ocupação do solo) que contemplem as categorias econômicas do setor de comércio e serviços
  • Políticas públicas e legislação que contemplem as categorias econômicas do setor de comércio e serviços
  • Uso da tecnologia que contemple as categorias econômicas do setor de comércio e serviços
  • Desenvolvimento sustentável que contemple as categorias econômicas do setor de comércio e serviços
  • Turismo que contemple as categorias econômicas do setor de comércio e serviços

Nesta edição serão distribuídos mais de R$ 74 mil, em forma de vales-viagem e vales-compra, aos vencedores. Ao todo, 17 profissionais serão contemplados nas categorias impresso, rádio, televisão, internet, cinegrafista, fotojornalista e estudante.

Como já é tradição, serão premiadas três reportagens de cada uma das categorias. Para cinegrafista e fotojornalista, será contemplado um profissional em cada área.

A premiação será realizada da seguinte forma:

  • O jornalista vencedor em primeiro lugar, em cada uma das categorias, receberá R$ R$ 8 mil em forma de vale-viagem.
  • O jornalista vencedor em segundo lugar, em cada uma das categorias, receberá R$ R$ 5 mil em forma de vale-viagem.
  • O jornalista vencedor em terceiro lugar, em cada uma das categorias, receberá R$ R$ 4 mil em forma de vale-viagem.
  • Nas categorias cinegrafista e fotógrafo será um único premiado (em cada uma). Cada vencedor vai receber R$ 3 mil em forma de vale-viagem.
  • Na categoria estudante serão três premiados (primeiro, segundo e terceiro lugar). Cada um receberá um vale-compra no valor de R$ 250.

O regulamento do prêmio e mais informações estão disponíveis no hotsite.